Dividir um espaço com outras pessoas pode ser um grande desafio, quando se refere ao banheiro então, pode ser ainda mais complicado
Banheiro

Banheiro com cuba dupla projetado pelas arquitetas da EFTM Arquitetura

Seja entre o próprio casal ou entre irmãos, a ideia de dividir o mesmo banheiro requer paciência e renúncias. A arquitetura, com sua função de otimizar o dia a dia das pessoas e adaptar-se às suas necessidades, também traz uma solução para esse problema, com a possibilidade de projetar duas cubas em um único banheiro. “Podemos considerar esse artifício uma tendência, mas ela vai muito além, é uma necessidade”, explica Erika Fukinishi, da EFTM Arquitetura.

Com o espaço adequado, é possível adaptar um banheiro para esse formato de modo que se encaixe melhor nas rotinas apressadas das famílias. “Hoje o casal acorda e trabalha no mesmo horário e tem a necessidade de usar a pia ao mesmo tempo, necessidade suprida pela implementação de duas cubas. É uma sugestão que sempre damos aos nossos clientes e é muito bem aceita”, complementa Thalita Myiawaki, também da EFTM Arquitetura. Além de se adaptar melhor às rotinas das famílias, banheiros com duas cubas trazem os benefícios de serem melhores para a higiene, organização e privacidade dos dois usuários do espaço.| EFTMArquitetura